I LOVE Brides
Av. D. Afonso Henriques, 1196 4450-012 Matosinhos Matosinhos, Portugal
+351 229 382 265 info@ilovebrides.pt I Love Brides 338286788 2016
Matosinhos
https://www.ilovebrides.pt/uploads/seo/big_1476887637_7828_logo-ilovebrides.jpg
10 2
514125713

I Love Blog

A melhor e a mais atualizada informação sobre o universo do casamento.

Diamante Cullinan

Diamantes com Estórias

06 | abril | 2018
ilovebrides.pt Diamantes com Estórias Sancy
No passado dia 6 de Fevereiro, inserido nas comemorações do Dia dos Namorados, a Ourivesaria Tavares inaugurou na Galeria Espaço D'Ouro do seu espaço comercial a exposição "Diamantes com Estórias" onde apresenta a réplica de 9 dos mais famosos diamantes do mundo.

Não deixe de visitar esta magnifica exposição e conheça o diamante Cullinan.
ilovebrides.pt Cullinan diamantes com estórias ilovebrides.pt Cullinan diamantes com estórias

A pedra foi encontrada por Frederick Wells  em 1905 nas minas Premier, em Gauteg, Colonia do Transvaal (atual  Africa do Sui) e foi extraída com o seu canivete a apenas 9 metros de profundidade.
0 diamante bruto pesava 3106,75 quilates (621,2g), sendo o maior diamante encontrado ate hoje.
Foi-lhe atribuído o nome Cullinan porque o responsável da mina Premier se chamava Thomas  Cullinan.
0 diamante foi enviado para lnglaterra para o agente da mina em Londres, Sigismund Neumann.
Depois foi adquirido pelo governo de Transvaal (Africa do Sui), que após o fim do conflito Anglo-Boer, o ofereceu num gesto de cortesia ao rei Edward VII, de lnglaterra, na data do seu 66° aniversario, a 9 de novembro de 1907.
A companhia holandesa Asscher foi  responsável pelo corte do diamante, que estudou durante meses antes de o concretizar.
Foi cortado em 9 pedras  maiores  e 96 pequenas. As duas pedras maiores, Cullinan I e Cullinan II são também conhecidas por The Great Star of Africa (A grande estrela de Africa) e The Lesser Star of Africa (A pequena estrela de Africa), respetivamente e fazem parte das Joias da Coroa Britanica.
0 Cullinan I foi aplicado no ceptro real em 1910 e o Cullinan II está ao centro da coroa imperial de Elizabeth II, que é usada na coroação real e na cerimonia de abertura do parlamento.
0 Cullinan Ill e o Cullinan IV foram conjugados num alfinete, por  Mary, rainha consorte de lnglaterra, em 1910.

Factos interessantes

Quando o diamante foi enviado para lnglaterra, para assegurar que chegava sem problemas, foi despachado numa encomenda normal, enquanto  uma réplica  foi enviada através de barco, com seguranc;as, como manobra de distração.
Há também o rumor de que o diamante original seria maior do que o que veio a público, tendo Frederick Wells tirado um pedac;o de 300 a 400 gramas, o que significaria que a pedra teria cerca de 1 quilo.

Onde se encontra

As pedras Cullinan I e Cullinan II estão expostas nas Jóias da Coroa, na Torre de Londres, Reino Unido.
As restantes pedras Cullinan são também pertença da coroa Real Britanica e membros da familia  real.

Peso

Cor

Cullinan I: 530,4 quilates   |   Cullinan II: 317,4 quilates
Cullinan III: 94,4  quilates   |   Cullinan IV: 63,6  quilates

Branco Azulado

Lapidação

Origem

Vários

Colónia do Transvaal (atual Africa do Sui)

Texto e fotos: Ourivesaria Tavares