I LOVE Brides
Av. D. Afonso Henriques, 1196 4450-012 Matosinhos Matosinhos, Portugal
+351 229 382 265 info@ilovebrides.pt I Love Brides 338286788 2016
Matosinhos
https://www.ilovebrides.pt/uploads/seo/big_1476887637_7828_logo-ilovebrides.jpg
10 2
514125713

I Love Blog

A melhor e a mais atualizada informação sobre o universo do casamento.
Isabel Guimarães

Astróloga

Previsões para 2018

15 | dezembro | 2017

Os ingressos direcionam a previsão tendencial no decorrer da entrada do Sol em cada signo até à entrada do sol no signo seguinte, os chamados 30 graus percorridos pelo Sol em cada um dos 12 signos ao longo da faixa zodiacal.
Esta técnica de orientação ajuda a uniformizar as tendências para o mês numa perspetiva geral para os nativos dos 12 signos do zodíaco, estando em foco a área onde se posiciona o signo em análise no seu mapa natal.
O ingresso do Sol em Capricórnio a 21 de dezembro de 2017 às 16:27 em Portugal é marcado pelo posicionamento combusto de Saturno no signo de Capricórnio, a chamada debilidade acidental, por se encontrar no mesmo grau que o Sol.
As qualidades do planeta a seguir, neste caso de Saturno posicionado no seu regente natural após 30 anos, encontram-se “queimadas”, o que se traduz numa manifestação difícil da vitalidade e da energia dificultando a expressão da vontade e a ação, principalmente nos relacionamentos e na justiça.
Trata-se de um mês onde a cautela e a paciência são necessárias para a resolução rápida de problemas que possam surgir nesta área de vida.
O ascendente encontra-se em Gémeos, com o regente retrógrado em Sagitário, direcionando para um maior cuidado na assinatura de contratos, compra de equipamentos e, principalmente, na forma como pretende dar seguimento a um projeto de trabalho.
A área de vida VI - o trabalho, a saúde, os empregados e os animais de porte pequeno - requer um maior foco e reanálise.
A Lua em Aquário na casa IX encaminha para uma nutrição da vida através dos grupos que se regem pelas mesmas filosofias.
Podemos ter melhores relações internacionais embora possamos sentir alguma tensão no crescimento da criatividade na procura de novas soluções.
Marte e Júpiter no signo de Escorpião indicam uma ação impulsiva e destemida que pode levar a ações precipitadas.
A 5 de janeiro estes dois planetas fazem uma conjunção exata no grau 17, indicando um período com muita dificuldade em aceitar as hierarquias e em respeitar a autoridade, criando por vezes ações explosivas.
Trata-se de um bom ingresso para dar maior valor aos seus conhecimentos superiores, às relações que estabelece, à valorização das pessoas com quem trabalha e para estabelecer uma comunicação com o mundo exterior de unificação e pacificação.
É, indubitavelmente, um mês que convida a muita reflexão e reanalise com vista a uma preparação para um novo ano que se avizinha.
Estas tendências poderão fazer-se sentir até ao Ingresso do Sol em Aquário a 20 de janeiro de 2018 às 03:08 de Portugal.

O ingresso do Sol a 20 de janeiro às 03:08 em Portugal indica uma vontade de comunicar e valorizar as relações.
Estamos perante um ingresso com um toque de paixão e aventura, trazendo uma tónica mais ousada para novos relacionamentos pautados pela liberdade tão particular do signo de Aquário.
Alguns projetos, principalmente aquelem que que envolvam dedicação, organização e expansão de redes de contatos, encontram-se favorecidos devido à ausência de planetas em movimento retrógrado.
Destaca-se o posicionamento solar em Aquário em quadratura com o próprio regente (Úrano), indicando muita tensão provocadas por contrariedades sendo importante manter o foco interno para saber o que realmente pretende para não se deixar derrubar pelos eventos externos.
O regente Úrano, ao se encontrar na área de vida da criatividade e da autoexpressão, pode trazer uma maior liberdade de ação embora a falta de paciência poderá não permitir que dê o tempo necessário para a concretização dos seus projetos.
O ascendente em Escorpião, com o coregente Marte neste posicionamento, confere um mês marcado por uma grande necessidade de impor a sua verdade.
Poderá ainda e deparar-se com cortes de situações que há muito se encontram desgastadas.
Embora alguns destes cortes possam ser feitos de forma mais suave, com este posicionamento torna-se difícil não fazer uso de uma certa agressividade.
Apesar da intensidade emocional sentida, devido a vários fatores quer na vida pessoal quer na vida externa, existe uma extrema coragem para enfrentar eventuais desafios.
Os recursos internos podem encontrar maior dificuldade dado o posicionamento de Mercúrio em conjunção a Plutão que poderá trazer problemas com a comunicação, estruturas de poder e a forma como os investimentos estão a ser geridos.
No aspeto favorável, podemos descobrir segredos e usar o dom da palavra de forma marcante e regeneradora.
Tudo vai depender da forma como usa a força de Putão.
A sensibilidade lunar, com o posicionamento no signo de Peixes em conjunção a Neptuno, pode trazer alguma ilusão e fantasia, no entanto o sextil a Saturno permite uma estrutura benéfica na forma como o sonho comanda a sua vida.
Estas influências estarão em destaque até ao Ingresso do Sol em Peixes a 18 de fevereiro às 17:17 em Portugal.

O ingresso do Sol em Peixes a 18 de fevereiro às 17:17 em Portugal sugere um mês onde os relacionamentos poderão se vividos de forma mais sensível e profunda tornando a comunicação mais aberta e os desejos alinhados com os pensamentos.
Revela-se um mês favorável para a resolução de problemas pendentes.
O ascendente em Leão sugere uma maior expressão da identidade com especial atenção as contrariedades e a impulsividade.
Os assuntos do coletivo encontram maior atenção podendo revelar-se uma maior vontade e determinação em encontrar soluções de ajuda e de maior iniciativa em grupos.
A sugestão de Júpiter no signo Escorpião em sextil a Plutão em Capricórnio, envolvendo as áreas de vida IV e V, abre novos horizontes e novas perspetivas.
Poderão surgir novas situações na família com maior ligação aos que se encontram a viver no estrangeiro.
Saturno em quadratura à Lua indica uma tendência à repressão nas estruturas e na precipitação de novas iniciativas, muitas vezes ligada a memórias de agressão e de situações traumáticas do passado.
As tendências referentes a este Ingresso poderão fazer-se notar até ao Ingresso do Sol em Carneiro a 20 de março às 16:15 em Portugal.

O ingresso do Sol em Carneiro a 20 de março às 16:15 em Portugal direciona a um maior aprofundamento na forma de se exprimir, aumentando a sensibilidade e a dificuldade na tomada de iniciativa.
O aspeto do trígono do Sol a Júpiter beneficia o apoio dos outros e a capacidade de poder evoluir em situações de crise.
A força na ação de Marte, regente de Carneiro, em conjunção a Saturno no signo de Capricórnio na área de vida V, indica uma maior iniciativa estruturada, sugerindo novos projetos e ideias que conduzem a um maior foco no trabalho.
Apesar das estruturas poderem sofrer alguns cortes levando a limites de gastos, denota-se resiliência na superação de situações difíceis.
Ao longo deste período, os investimentos podem estar mais dificultados pela dificuldade na clareza dos pensamentos.
É importante superar a falta de confiança mental, procurando um modelo de clareza e de eficiência intelectual.
A intuição e perceção podem ser comprometidas devido à informação excessiva que pode não trazer beneficio para a concretização de objetivos, ou seja, dificulta o foco.
O ascendente em Virgem, com o regente em conjunção exata a Vénus, sugere bons momentos para socializar, comunicar o que sente, levar compreensão aos outros e valorizar as pessoas que o rodeiam.
Estas predisposições poderão ser sentidas até ao ingresso do Sol em Touro a 20 de abril às 4:12 em Portugal.

O ingresso Sol em Touro a 20 de abril às 4:12 em Portugal, direciona a uma maior liberdade de expressão na forma de comunicar dado ao ascendente em Aquário e ao posicionamento do seu regente Úrano em conjunção ao Sol.
Com o ingresso de Vênus em domicílio no signo de Touro regendo a área de vida III, as comunicações, notícias e tudo o que comunica, levam a um maior foco na valorização do que ouve e do que pretende comunicar.
Os investimentos requerem alguma cautela, com a oposição a Júpiter em Escorpião na área de vida IX, principalmente as transações com o estrangeiro.
Um mês com muita intensidade pela configuração de Marte/Plutão em Capricórnio sugerindo muita precaução na ação impulsiva e no incentivo à violência.
As estruturas podem passar por dissoluções e estas não serão de forma agradável.
A transformação plutoniana irá exigir mudanças nas estruturas conduzindo a uma necessidade de uma nova ordem mundial, que não será realizada de forma pacífica.
Alguns governos poderão entrar em disputas desnecessárias de lutas de poder desmedido não contribuindo para a evolução dos grupos.
Em termos pessoais esta força explosiva pode contribuir para a tomada de decisões de forma determinada e firme.
Num aspeto positivo podemos esperar um mês com a energia necessária para superarmos obstáculos e nos ocuparmos em situações que exijam esforço físico, principalmente para reconstruir algo.
Estas influências poderão sentir-se até ao ingresso do Sol no signo de Gémeos a 21 de maio às 3:14 em Portugal.

O ingresso do Sol em Gémeos a 21 de maio às 3:14 em Portugal, confere uma vitalidade expressiva e uma vontade de estabelecer relacionamentos profundos, onde a base será a confiança e a lealdade.
Caso neste período ocorram traições, mesmo em relacionamentos que não sejam afetivos, será implacável na ação.
O regente Mercúrio encontra-se em Touro na área de vida que o rege o que atribui uma estrutura de pensamento e uma maior capacidade de análise que poderá conduzir a bons investimentos.
Apesar deste aspeto benéfico, a oposição a Mercúrio exige maior cautela na forma como estrutura os seus investimentos, quer a nível pessoal, quer a nível material.
No aspeto coletivo, as organizações precisam de agir em termos práticos e de ser realistas tendo em conta a mudança que os últimos anos têm mostrado, permitindo soluções para situações mais urgentes.
O ascendente em Peixes, com o regente contemporâneo em domicílio na mesma área de vida, em trígono a Júpiter confere grande sensibilidade com a situação dos outros, sentindo a obrigação de ajudar quem precisa.
No entanto, o cuidado nos excessos será necessário para não se iludir nas suas ações.
A necessidade de ligação a um bem maior intensifica a procura na espiritualidade de crescimento e da compreensão para a ação.
Marte em Aquário intensifica a vontade de criar soluções para o grupo priorizando as pessoas.
A Lua em Leão em quadratura Júpiter e Mercúrio revela uma tendência a fazer julgamentos precipitados e irresponsáveis além de uma certa indulgência com os relacionamentos.
Até ao ingresso do Sol no signo de Caranguejo no dia 21 de junho às 11:07 em Portugal este período é marcado por uma busca e abertura de novos conhecimentos, formação, restruturação de filosofias e firmeza na fé.

O ingresso do Sol em Caranguejo a 21 de junho às 11:07 em Portugal, confere um maior foco na preservação da vitalidade, podendo existir maior cansaço e desgaste nas circunstâncias que se vive.
O regente em Balança nutre as relações e a diplomacia, no entanto a dificuldade em comunicar o que sente e de ajustar a sua vontade ao ambiente social poderá tornar difícil a sua realização pessoal.
Mercúrio em Caranguejo expressa a sua informação através do sentimento e da memória, que, encontrando Plutão no seu oposto, poderá levar a um confronto com o nosso lado sombra provocado por situações mais difíceis do passado, assim como nas ações das nossas organizações.
Com o reforço do regente Virgem ser também o ascendente, a comunicação tenderá a ser detalhada, levando a uma comunicação detalhada, a críticas e a situações de limite.
Mercúrio em trígono a Neptuno alivia a pressão e aumenta a inspiração levando-nos a querer inspirar os outros com palavras.
As áreas ligadas a projetos artísticos ou literários, as artes, a poesia, a ficção, a espiritualidade, a publicidade, promoção encontram-se favorecidas.
O trígono de terra entre Saturno e Úrano firma a capacidade de usar a maturidade para ações efetivas na mudança do coletivo com maior foco na valorização dos recursos disponíveis.
Revela-se um bom mês para fazer ajustes e mudanças, unindo dedicação e criatividade, estrutura firmeza e flexibilidade.
Estas orientações poderão ser consideradas até ao ingresso de Sol em Leão a 22 de julho às 22:00 de Portugal.

O ingresso do Sol em Leão a 22 de julho às 22:00 em Portugal, denota um Sol na área de vida VI no serviço que prestamos e faz questionar como o fazemos.
A conjunção ao Nodo Norte, confere um propósito de uma nova direção, onde a oposição a Marte em Aquário indica que podemos ter que lidar com situações difíceis, tomar decisões, sair de uma situação ou forçar outra impondo a determinação na escolha, principalmente sobre aqueles assuntos que se arrastam há algum tempo.
O ascendente em Aquário, com o regente contemporâneo no signo de Touro formando uma quadratura em T, envolvendo o Sol em Leão e Marte em Aquário, intensifica o poder, o que pode levar a momentos de grande tensão envolvendo questões financeiras, instituições e situações pessoais limite.
O trígono de Plutão na área de vida de Aquário com Vénus em Virgem possibilita reconciliação, resgate e a tentativa de pode superar algo, curar e descobrir segredos.
O poder de julgamento fica apropriado e favorece a reaproximação.
Situações que pareciam sombrias e até mesmo mal-entendidos podem resgatar uma má impressão, reapresentar propostas, mudar a situação, lucrar ou cobrir prejuízos.
A Lua no MC em Sagitário, propõem viagens, procura de novos horizontes e popularidade na identidade, no seguimento das escolhas que levam a um novo caminho.
Boa altura para viajar e descobrir novos lugares.
As tendências referentes a este ingresso poderão fazer-se sentir até ao ingresso de Sol em Virgem a 23 de agosto às 05:08 em Portugal.

O ingresso do Sol em Virgem dia 23 de agosto às 05:08 em Portugal, denota um maior foco nos recursos internos que, intensificado pelo trígono a Saturno, conduz a uma maior determinação interior.
A vida amorosa pode passar por paixões frias, mas duradouras.
A área de vida V indica com este aspeto realizações de longo alcance e profunda estabilidade na ambição, direcionando ao autodomínio, força interior, sentido de responsabilidade, afirmação moral, sabedoria, força intelectual ou espiritual.
Esta tendência é reforçada pelo posicionamento do ascendente em Leão sublinha a vontade de sermos ouvidos e vistos.
Altura em que a organização, o trabalho e as tarefas do dia-a-dia reforçam a identidade.
É possível que algumas pessoas passem por alterações no trabalho que levem a mudanças profundas.
O stellium de Plutão, Lua e Marte na área de vida de Virgem, com Capricórnio como cenário, pode levar instituições a quebrarem contratos e a um abalo nas estruturas que podem envolver governos.
Úrano no MC a fazer um aspeto de 90 graus a Marte e à Lua pode levá-lo a direcionar a vida de forma impaciente e rápida demais, sem pensar nas consequências.
É também provável um aumento da irritabilidade porque sentirá que os outros estão lentos demais.
Esta ação de rapidez pode conduzir à arrogância e a criar atritos desnecessários.
O trígono de terra beneficia a segurança e a firmeza de ação num processo de desenvolvimento da nossa essência.
Poderá sentir estas influências até ao ingresso de Sol em Balança a 23 de setembro às 02:54 de Portugal.

O ingresso do Sol em Balança a 23 de setembro às 02:54 em Portugal confere um mês onde a abertura ao diálogo está favorecida.
Os desejos estão alinhados com os pensamentos permitindo a resolução de problemas. As ideias fluem levando a ações criativas e a encontrar soluções ou tomar decisões com facilidade.
Boa altura para dar foco a novos projetos.
A permanência do ascendente em Leão que trazemos do mês anterior leva à tendência a recebermos informações importantes de superiores ou de chefes de governo que podem influenciar tanto a nossa vida pessoal como o meio que nos envolve.
Poderão também ocorrer alterações de chefias.
A Lua e Neptuno em Peixes na área de vida VIII indicam uma grande imaginação e criatividade a ser transmutada, porém devemos ter atenção à fantasia que pode levar a situações fora da realidade.
Imersos no mundo dos sentimentos, de forma positiva podemos usar a bondade e ver apenas o lado bom das pessoas, tornando-nos recetivos.
Em alguns casos, pode haver muita sensibilidade, dependência, autopiedade, irresponsabilidade, escapismo e medos irracionais.
O trígono a Vênus favorece a confiança que se estabelece entre as pessoas, sentindo-se mais seguro nos relacionamentos.
As tendências referentes a este ingresso poderão fazer-se notar até ao ingresso de Sol em Escorpião a 23 de outubro às 12:22 em Portugal.

No ingresso do Sol em Escorpião a 23 de outubro às 12:22 em Portugal, a intensidade emocional é direcionada para a direção de vida e carreira, onde a conjunção ao Sol/Vênus indica a necessidade de dar foco à valorização do que realiza com processos de transformação que se concretizam com a algumas contrariedades.
Nesta altura a necessidade de mudança pode levar a precipitação.
O ascendente em Sagitário com o regente no signo de Escorpião, indica a vontade de viajar, de partir em busca de novos horizontes procurando usar os talentos de aprendizagem para novas soluções.
Os grupos, amigos e esperança são alicerçados na necessidade de se fazer ouvir e encontrar meios que levem a compreensão.
Assuntos do estrangeiro entram em foco, com profundas mudanças que indicam novos acordos e novas formas de encontrar meios de crescimento junto de instituições, associações e grande grupos.
Marte coregente de Escorpião encontra tensão na forma de comunicar e de encontrar e aceitação dos grupos.
O Mercúrio que encontra a tensão de Marte é suavizado pelo trígono a Neptuno, inspirando os outros com as palavras.
Período favorável a projetos artísticos ou literários.
Tendência a estar no lugar certo na hora certa ou a obter as informações desejadas quase magicamente.
Estas tendências poderão revelar-se até ao ingresso de Sol em Sagitário a 22 de novembro às 09:01 em Portugal.

O ingresso Sol em Sagitário a 22 de novembro às 09:01 em Portugal confere uma vitalidade mais enfraquecida com o crescimento de sensibilidade à dor e ao sofrimento coletivo.
Esta ação pode levar à vontade de agir em prol dos outros, protegendo, incentivando a fé e esperança.
O Ascendente no mesmo signo e com o regente em casa, pode levar a uma maior compreensão no sofrimento coletivo, apesar do pensamento e da palavra estarem mais dificultados pelo movimento do Mercúrio retrógrado e exilado em Sagitário.
Altura de rever contratos e procurar não agir com impulso, devido a tendência aos excessos.
A Lua exaltada em Touro, remete para a importância da valorização da nossa nutrição e de prestar serviço que beneficie o coletivo.
Novas ideias e capacidade criativa podem levar a uma maior popularidade.
Poderá revelar-se importante levar ao outro um maior apoio e conforto através de uma maior envolvência em grupos, partilha de dificuldades e procura em conjunto de formas diferentes de solucionar problemas.
Mês que leva a uma profunda reflexão das relações, quer no foro afetivo quer no laboral, questionando a forma como equilibra a sua vontade com as necessidades do meio ambiente.
Estas influências poderão sentir-se até ao ingresso de Sol em Capricórnio a 21 de dezembro às 22:22 em Portugal.

Com o fecho do ano de 2018 com o Ingresso do Sol no signo Capricórnio a 21 de dezembro às 22:22 em Portugal, recebemos, através do Sol, dons de expressão criativa e, quando o mesmo faz um trígono a Úrano, aumenta este potencial e muitas coisas são liberadas.
No signo de Capricórnio na área de vida da família, das origens, da tradição, nada melhor do que resgatar situações que outrora não foram possíveis resolver.
Denota-se importante manter o foco interno para saber o que realmente pretendemos para que os eventos externos não nos derrubem.
O ascendente em Virgem direciona a uma ação com maior análise, crítica e mais cuidadosa.
Assuntos ligados à natureza, alimentação e cuidados de saúde podem levar a situações de reajuste.
O final do ano que requer reorganização e analise do conquistado ao longo do ano, gera um maior planeamento em atividades que requerem disciplina e rigor.
As relações privilegiam a perceção para escolher e perceber corretamente as situações.
Favorável a conectar a sensibilidade das pessoas e ficar mais recetivo.
Ocorre um bem-estar afetivo, situações de sonho, estimula o amor levando a compreensão dos outros.
Ao longo deste período que terminará com o ingresso do Sol no signo de Aquário, encontra-se em foco a sensibilidade e a tendência a levar em consideração uma síntese de fatos e coisas antes de se avançar para a ação.

I Love Blog

A melhor e a mais atualizada informação sobre o universo do casamento.
Micaela Oliveira
Dicas e Tendências Noiva
Desenhando Sonhos
Os Contornos da Felicidade
Nuno Gama
Dicas e Tendências Noivo
Dandynoivo
Paula Lage
Cabelos
"Apanhe" as tendências e diga SIM!
Ao AMOR com muito mais beleza...
Ana Bravo
Nutrição
Nutrição com Coração
Maria João
Organização Integral
Apresentação
Isabel Guimarães
Os Signos
Compatibilidade entre signos
Sonâncias, dissonâncias e tendências genéricas
Solange Hilário
Dicas e Tendências Noiva
Golden Brides
My golden dress
Rui Mota Pinto
Organização Integral
Dream your wedding...
... and make it happen.
Rodolfo Macartney
Setor Nupcial
O Mundo Digital